domingo, 8 de janeiro de 2012

Eu, em você

Toma meu corpo como teu, assim como me doa o espírito que vive em ti... e juntos seremos a carne que arde em desejo, o peito que vibra o amor, e os olhos que juntos, enxergam a vida. Seja meu delírio eterno, o vício que te mantém vivo, em mim... que eu serei tua guia no prazer, a senhora do teu santuário. Beba minhas vestes em um gole, e desnude minhas curvas e minha alma, sempre e como sempre, se misturando em mim. Pois eu serei tua... tua e somente tua, ainda que pertencente só a mim.

Um comentário:

  1. Vc é maravilhosa! Como eu queria que estas palavras fosse só pra mim!

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua mensagem